Notícias

Estado tem 3 cidades com risco de infestação de dengue

Publicado em 05/11/2014 às 08h00

Estado tem 3 cidades com risco de infestação de dengueMinistro Chioro (C) revelou dados ao lado do secretário Jarbas Barbosa (D) e Luis Condina, da OMS

Três cidades baianas estão entre os 117 municípios brasileiros em situação de risco para a ocorrência de epidemias de dengue. Santo Amaro, Iuiú e Itabuna constam do Levantamento Rápido do Índice de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa), divulgado nesta terça-feira, 4, pelo Ministério da Saúde.

Na Bahia, 51 municípios estão na lista. Destes, 27  apresentam sinal de alerta e 21  têm números satisfatórios (bairros visitados nestas cidades estão com índice abaixo de 1% de larvas do Aedes aegypti).

O levantamento foi elaborado pelo Ministério da Saúde em parceria com estados e municípios. O objetivo é usar a pesquisa  para orientar as ações de controle da dengue, o que possibilita aos gestores locais de saúde anteciparem as iniciativas de prevenção. O LIRAa divulgou a situação de 1.463 cidades.

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, apresentou dados ao lado do secretário de Vigilância, Jarbas Barbosa, e de Luis Condina,  da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas/ OMS). Neste ano, foram 379 mortes, contra 646 em 2013 - uma redução de 41%.

Para o ministro, as medidas de prevenção adotadas pelo governo federal, pelos gestores locais e sociedade foram as grandes responsáveis pela queda nos números de casos e óbitos por dengue. Mas alertou sobre a importância de manter e reforçar as ações para combater não só a dengue como a chikungunya.

Esta última, doença infecciosa febril causada pelo vírus chikungunya (CHIKV), que pode ser transmitida pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus.

"As medidas de enfrentamento e prevenção das duas doenças são as mesmas. Temos de intensificar estas ações e prestar bem a atenção nas informações que o LIRAa nos revela. Trata-se de uma ferramenta muito potente que nos dá informações importantes", disse Chioro.

Apesar de Feira de Santana  não constar do levantamento,  a  Secretaria  de Saúde do município  divulgou, nesta terça,  419 confirmações de chikungunya na cidade.

Segundo a nota, foram notificados 1.175 casos suspeitos da doença, sendo 419  confirmados, 67 descartados e 689 em investigação. Os dados são do período de 29 de março a 3 de novembro.

Balanço

Até  25 de outubro,  o Ministério da Saúde registrou 824 casos de chikungunya no País, sendo 151 confirmados por critério laboratorial e 673 por critério clínico-epidemiológico.

Destes, 39 são casos "importados" - pessoas que viajaram para países com transmissão da doença, como República Dominicana, Haiti, Venezuela, Ilhas do Caribe e Guiana Francesa.

Fonte: A Tarde

Compartilhar

Gripe suína mata na Bahia

Publicado em 05/11/2014 às 07h56

A primeira morte por contaminação do vírus influenza A H1N1, mais conhecido como gripe suína, foi divulgada ontem pela Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab). Morador de Guanambi, sudoeste baiano, Juarez Oliveira da Silva, 27 anos, foi internado no último dia 10, mas morreu após uma semana.

De acordo com dados da Sesab, este ano já foram confirmados três casos de gripe suína na Bahia, sendo que um deles é importado de outro estado.

Em 2013 foram registrados 52 casos e 11 óbitos. Ainda de acordo com a Sesab, dos outros dois casos confirmados este ano na Bahia, um dos pacientes veio de São Paulo com o vírus, mas foi tratado e curado. Já o outro foi registrado em Salvador e o paciente permanece em tratamento, e segue apresentando melhoras.

Empregado em uma marmoraria da cidade, Juarez começou a apresentar sintomas relacionados a problemas respiratórios devido à exposição ao pó de mármore. Segundo informações fornecidas pela 30ª Diretoria Regional de Saúde (Dires), o jovem teria dado entrada no Hospital de Guanambi, mas diante da gravidade do quadro foi transferido para o Hospital Geral de Vitória da Conquista, onde morreu dois dias depois.

A contaminação foi confirmada após análise de laboratório realizado em Salvador.  Ainda não se sabe o que pode ter motivado a gripe em Juarez da Silva. Contudo, a principal suspeita é que ele tenha sido contaminado através de contatos com pessoas envolvidas em obras de grande porte na região. Na cidade funcionam obras de uma estrada de ferro e de um parque eólico.

A HN1 ficou conhecida como gripe suína após as primeiras formas do vírus serem descobertas em porcos. Com o tempo, 2009, o vírus sofreu mutação, infectou humanos e se espalhou pelo mundo, atingindo, principalmente, jovens pessoas de 05 à 24 anos. A gripe suína tem sintomas semelhantes aos da gripe comum, como febre, tosse, dor de cabeça, dores musculares, dor na garganta, fraqueza, com o agravante de ser mais séria.

Causas e sintomas

De acordo com o infectologista Marcelo Galvão de Almeida, a gripe suína causa pânico à população, mas os cuidados são básicos como os de uma gripe. “É importante manter a carteira de vacinação atualizada, pois ainda é a melhor forma de precaução. Além disso, alguns cuidados básicos como evitar direto com a pessoa infectada e manter a boa imunidade do corpo são essenciais”, afirmou.  

O vírus, assim como qualquer outro, pode ser transmitido com o contato. Após estudos realizados por especialistas, foi descartada a transmissão do H1N1, através da ingestão de carne de porco ou qualquer outro alimento, nem ao beber água, nadar em piscinas ou usar banheiras ou saunas.

Fonte Tribuna da Bahia

Compartilhar

Moradores de Cafarnaum reclamam da insegurança

Publicado em 05/11/2014 às 07h51

Moradores de Cafarnaum reclamam da insegurançaA cidade de Cafarnaum, centro norte baiano, foi nomeada em referência à localidade bíblica em que Jesus realizou alguns dos seus milagres e que era conhecida por ser pacata.

O município da Bahia, porém, passa longe disso. A população de cerca de 20 mil habitantes se encontra aterrorizada por conta de uma onda de assaltos, especialmente nos finais de semana, que retiraram a tranquilidade do local. “Fizeram um arrastão no final de semana. O povo vem tirar o Bolsa Família e é roubado. A população está sofrendo e nós entramos em contato com a prefeitura pra que eles nos auxiliem”, afirmou Tatiane Ribeiro, que se colocou como uma das líderes de um movimento que busca maior segurança para a cidade. “A gente está precisando de mais efetivo, só tem dois policiais. Está tendo muito roubo, posto de gasolina, casa lotérica, supermercado. Já falei com o delgado regional, que prometeu arrumar mais dois policiais, mas ainda não fez nada. Já falei com o deputado Marcelo Nilo (PDT), estive com ele nesta segunda-feira (3) e falei de novo”, afirmou o prefeito Euilson Silva (PSDB).

Segundo o gestor, a agência do Banco do Brasil da cidade “só serve pra resolver problema de transferência” porque sempre que o carro forte traz dinheiro, acontece outro assalto. Silva também disse que há bandidos tanto da cidade quanto de fora, que vão ao município para realizar os furtos. “Eles fazem chacota com a população. Dá oito horas da noite e ninguém pode mais sair de casa”, relata Tatiane. Por conta da insegurança, a população planeja fazer um protesto ainda nesta semana na BR-122 e na BA-046, que ligam Cafarnaum a Seabra e Irecê, respectivamente. “Vamos bloquear a estrada e queimar uns pneus pra ver se conseguimos atenção do governador”, avisou a líder. O efetivo sempre foi pequeno e a violência que está aumentando, declarou o prefeito. Em contato com a reportagem, a assessoria da Secretaria de Segurança Pública informou que a delegacia local é quem pode falar das ocorrências na cidade. Porém, a cidade não tem mais delegado próprio e quem responde por Cafarnaum é a delegada de Irecê. Já a Polícia Militar tem informações que conflitam com o que foi dito tanto pelo prefeito quanto pela moradora da cidade em relação ao policiamento. “O 7º Batalhão, responsável pelo policiamento no município de Cafarnaum, informa que o policiamento na cidade é realizado por oito policiais militares com apoio de uma viatura, além disso, guarnições da Companhia Independente de Policiamento Especializado (CIPE)/Semiárido também reforçam as ações da PM na região”, informa a nota.

Fonte Bahia Notícias

Compartilhar

Saiba o que é proibido e permitido durante as provas do Enem

Publicado em 05/11/2014 às 07h47

Nos próximos dias 08 e 09 de novembro, mais de 8,7 milhões devem fazer as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Para evitar que a ansiedade faça o candidato perder pontos ou ser eliminado, confira o que é permitido e proibido nos dias das provas. 

Provas
O candidato só poderá deixar o local de prova duas horas depois do início do exame. O caderno de questão, no entanto, só poderá ser levado pelo candidato 30 minutos antes do término das provas.

Saiba o que é proibido e permitido durante as provas do EnemMais de R$ 8,7 milhões de estudantes devem fazer as provas do Enem neste final de semana
(Foto: Marina Silva) 

Proibições
Quando entrar na sala para fazer a prova, o candidato  deverá desligar todo e qualquer aparelho eletrônico que traga consigo, inclusive o celular. O aluno vai receber o um porta-objetos com lacre, para que os objetos e demais materiais proibidos sejam guardados.

O porta-objetos deverá ficar embaixo da cadeira até o final das provas e só poderá ser aberto quando o participante deixar o local, sob pena de eliminação. Cada participante deve ter em mãos caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente.

A caneta de cor preta é obrigatória para o exame, se o candidato estiver com caneta de outra cor, a leitua ótica sempre comprometida. O participante deverá ter em mãos documento de identificação original com foto, cartão de confirmação da inscrição e alimentos (barra de cereal, água, suco, chocolate, bolachas, entre outros alimentos de fácil consumo).

Não há restrição no que se refere às roupas que devem ser usadas. Recomenda-se o uso de roupas leves.

Eliminação
Na página especial do Inep para o Enem, há uma série de observações sobre atitudes proibidas durante a realização da prova. Uma delas é realizar qualquer espécie de consulta ou comunicar-se com outros participantes durante o período das provas.

Além disso, há materiais proibidos que podem eliminar o participante do exame. É proibido: portar lápis, caneta de material não transparente, lapiseira, borrachas, livros, manuais, impressos, anotações e quaisquer dispositivos eletrônicos, por exemplo: máquinas calculadoras; celulares, smartphones, tablets, pen drives, iPods, gravadores, relógios, alarmes (ou qualquer tipo de transmissor); receptor de dados, imagens, vídeos e mensagens.

Também é proibido utilizar óculos escuros e artigos de chapelaria (boné, chapéu, viseira, gorro ou similares); portar armas de qualquer espécie, mesmo que o participante possua autorização; ausentar-se em definitivo da sala de provas antes de decorridas duas horas do início da aplicação e receber quaisquer informações referentes ao conteúdo das provas de qualquer membro da equipe de aplicação do exame ou de outro participante.

Fonte Correio 24hs

Compartilhar

Saúde inicia campanha de vacinação

Publicado em 04/11/2014 às 08h41

Neste sábado, 8 de novembro, numa parceria entre Ministério da Saúde e Prefeitura de Irecê, terá início a Campanha de Vacinação contra Paralisia Infantil, Sarampo, Caxumba e Rubéola.

Deverão ser vacinadas todas as crianças a partir de 6 meses de idade até 4 anos e 11 meses e 29 dias. Os pais ou responsáveis devem procurar as unidades de Saúde do município, tendo em mãos o cartão de vacinação da criança.

A iniciativa faz parte do Programa Nacional de Imunização, que tem como meta ampliar a cobertura vacinal do Brasil e erradicar doenças que prejudicam o desenvolvimento e a qualidade de vida das crianças. A campanha vai até o dia 28 deste mês. Fique atento! E cumpra seu papel: proteja seu filho! 

Fonte: Prefeitura de Irecê

Compartilhar

Ano com 16 feriados prolongados preocupa o comércio varejista

Publicado em 04/11/2014 às 08h36

A Bahia terá, no calendário de 2015, o total de 16 feriados prolongados, nos quais apenas dois cairão no domingo. A notícia pode ser recebida com festa por muitos trabalhadores, que poderão descontar a falta desses mesmos feriados em 2014 – quando grande parte das possibilidades de folga foi frustrada já que as datas não caíram nos dias úteis.

Porém, se o fato pode animar aqueles que pretendem viajar ou aproveitar as folgas com uma programação diferente, o mesmo não se aplica ao setor do comércio, que já teme prejuízos por conta do número menor de dias de funcionamento. E a possibilidade de um saldo negativo tem sido uma preocupação constante do Sindicato dos Lojistas do Estado da Bahia – Sindilojas – para o próximo ano.

“Existem motivos reais para a preocupação, pois há uma legislação que devemos cumprir, e que foi estabelecida pela Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) de 2013 e 2014, no qual o empregador precisa pagar ao seu funcionário a quantia de R$ 33, vale-transporte, além de uma folga a ser tirada durante um dia útil, até o final do mês no qual se decorre o feriado em questão”, explicou o presidente do Sindilojas, Paulo Motta.

Dessa forma, o grande comércio, que fica localizado nos shoppings, por exemplo, acaba não sendo tão prejudicado devido a maior quantidade de funcionários e mais aptidão  para administrar a ausência do empregado, assim como o pagamento pelos feriados trabalhados. Contudo, o pequeno comércio dos bairros e as lojas localizadas no centro da cidade, não têm a mesma facilidade para lidar com os benefícios estabelecidos na CCT.   

“Para isso, é preciso que haja um maior empenho do poder público a fim de tornar a vida do pequeno varejo mais fácil. Medidas, como a maior promoção de eventos no centro da cidade, que possam atrair mais o consumidor, ou a isenção de impostos em cima dos produtos vendidos durante o feriado – algo que poderia abaixar o preço e torná-lo mais atrativo para o consumidor – são fundamentais para levar o consumidor ao comércio durante os feriados”, explica o presidente do Sindilojas.

Enquanto essas medidas não são possíveis, cabe ao lojista achar soluções criativas durante os dias de funcionamento normal do comércio, visando não apenas o lucro, mas a preparação para as datas nas quais estará de portas fechadas. “Os comerciantes terão que pensar em ações mercadológicas que consigam levar o consumidor até seu estabelecimento. Ter iniciativa e usar a criatividade mesmo!”, avaliou Motta.

No centro da cidade, a preocupação já se faz presente como um cliente persistente dentro dos estabelecimentos comerciais, que, possivelmente, não deverão abrir as portas durante os feriados do próximo ano. “Todos aqui já estão bem preocupados, e se preparando para um ano amargo de menos gastos. Ainda não planejei nada especificamente, mas já comecei a pensar em algumas ações, mas até agora, nada concreto, pois tenho que esperar fechar o ano, para consultar como fica nosso orçamento e as possibilidades”, explica Manuela Machado, dono de uma loja de roupas, na Baixa dos Sapateiros.  

Dessa forma, o terceiro setor da economia já se prepara para começar um ano difícil, estabelecendo metas e organizando estratégias que possam atrair mais o consumidor para o comércio, minimizando os possíveis danos que podem aparecer no decorrer de 2015.

Das dezesseis folgas previstas no calendário estadual, apenas a Páscoa e a Proclamação da República cairão fora dos dias úteis. Já o São João (24 de junho) é o único que cairá numa quarta-feira.  O restante das folgas cai nos dias onde é possível “enforcar” – suspender o expediente um dia útil, para se ter um período maior de folga –, ou nos dias que estão próximos ao final de semana propriamente dito.

O primeiro feriado do ano, o 1º de janeiro da Confraternização Universal (onde, na Bahia, também se comemora o dia do Bom Jesus dos Navegantes), irá cair na quinta-feira. O mesmo acontece com o Corpus Christi (4 de junho) e Independência da Bahia (2 de julho). Já na sexta-feira, irão cair os feriados de Sexta-Feira da Paixão (3 de abril), Dia do Trabalho (1º de maio) e Natal (25 de dezembro).

Também podem ser tornar um feriado prolongado por caírem na segunda-feira as folgas de Independência do Brasil (7 de setembro), Nossa Senhora Aparecida ou Dia das Crianças (12 de outubro) e Finados (2 de novembro). Os feriados de Tiradentes (21 de abril) e Nossa Senhora de Conceição da Praia (8 de dezembro) cairão na terça-feira no próximo ano. Também entram na conta os feriados de Carnaval e Quarta-Feira de cinzas (17 e 18 de fevereiro).

Fonte: Tribuna da Bahia

Compartilhar

Receita anuncia ferramenta que ajuda a fazer rascunho do IR

Publicado em 04/11/2014 às 08h34

A Receita Federal anunciou nesta segunda-feira (03.11) uma novidade que ajudará o contribuinte no preenchimento da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2015. A ferramenta (um aplicativo disponível para PCs, tablets e smartphones) funcionará como um rascunho da declaração.

Essa opção possibilitará que o cidadão faça um arquivo, uma espécie de rascunho, ao longo de todo ano para inclusão gradual de informações. O intuito da novidade é facilitar a vida do contribuinte para que não deixe a declaração para última hora e faça a inclusão dos dados gradualmente. A utilização da ferramenta é facultativa, informou a Receita Federal em comunicado.

As operações que poderão ser lançadas por meio desse aplicativo são: dependente e despesas dos dependentes, movimentação de bens (venda de carro ou imóvel) e direitos, rendimentos, pagamentos efetuados ao longo do ano.

Segundo Receita Federal, o aplicativo Rascunho IRPF estará disponível no site a partir de hoje e as informações salvas "poderão, a critério do usuário, ser utilizadas na declaração IRPF 2015". O órgão destaca que os dados salvos no rascunho não constituem uma declaração IRPF.

O encaminhamento da declaração deverá ser feita pela internet, por meio do Receitanet, programa de transmissão da Receita Federal, ou via dispositivos móveis tablets e smartphonespara sistemas operacionais Android e iOS (Apple). A Receita não recebe mais declarações em disquete nem em formulários de papel.

Como ocorre em todos os anos, os primeiros contribuintes a realizarem a transmissão dos dados para a Receita ficam na lista dos primeiros lotes de restituição do IR, mas sempre levando em consideração os cidadãos com prioridade no recebimento (pessoas com mais de 60 anos e portadores de moléstia grave e deficientes físicos ou mentais).

Os lotes regulares começam a ser liberados em 15 de junho e terminam em 15 de dezembro de 2015, salvo alterações.

*Com Agência Brasil

Fonte: Tribuna da Bahia

Compartilhar

Sefaz inicia vistoria de garrafões de água mineral

Publicado em 04/11/2014 às 08h28

A Secretaria da Fazenda da Bahia (Sefaz-Ba) iniciou nesta segunda-feira (3) uma operação que visa verificar o cumprimento da obrigatoriedade da venda de garrafões de 20 litros de água mineral com o selo fiscal no lacre.

Durante a ação, mais de 50 estabelecimentos foram inspecionados em Salvador, Lauro de Freitas e Muritiba, na região metropolitana da capital, Feira de Santana, Cruz das Almas e Cachoeira.

A penalidade é de R$ 90 por garrafão encontrado sem o selo. Até então, não foi registrada nenhuma irregularidade das distribuidoras. Até o fim do mês, 300 empresas de 17 municípios baianos devem ser fiscalizadas.

A exigência do selo passou a vigorar em agosto deste ano, e visa inibir a concorrência desleal de envasadoras irregulares. “Vejo como muito positiva a exigência do selo porque dificulta a entrada clandestina de produtos no mercado. Antes era difícil concorrer com distribuidoras que não pagavam os tributos e, por isso, tinha condições de reduzir muito o preço. [Isso] comprometia a existência dos estabelecimentos que honravam as obrigações”, afirma Jussara Santana, 48 anos, proprietária de uma das distribuidoras do bairro de Águas Claras, em Salvador.

Para comprar água em garrafões de 20 litros com garantia de procedência, o consumidor deve estar atento quanto às características do selo fiscal obrigatório no produto. O selo tem as medidas de 20 x 40 mm, o nome SEFAZ-BA, em maiúsculas, na parte superior, o brasão do Estado da Bahia e, logo abaixo, a expressão ‘Selo Fiscal de Controle de Água Mineral’. Em caso de alguma irregularidade, o cidadão pode denunciar pelo telefone 0800 0710071 ou 71 3118-1555 (ligações de celular da Região Metropolitana de Salvador - RMS). Existe ainda a opção de fazer a denúncia via WhatsApp (9990-0071), disponível 24 horas, ou pelo site da Sefaz-BA.

Fonte: Bahia Notícias

Compartilhar

PRF pune 1,5 mil motoristas no 1º fim de semana com multas alta

Publicado em 04/11/2014 às 08h24

Aproximadamente 1,5 mil motoristas foram punidos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) no primeiro fim de semana de vigência dos novos valores de multas de trânsito. Desde sábado (1º), as multas para condutores flagrados em ultrapassagens forçadas, em local proibido, ou disputando “racha” e exibindo manobras perigosas estão até dez vezes mais altas.

A maior parte – 1,39 mil – foi aplicada a motoristas ultrapassando em situações perigosas ou em locais proibidos. Nesses casos, como faixas contínuas, curvas, trevos, túneis, pontes e acostamentos, a multa aumentou de R$ 127,69 para R$ 957,70. Em caso de reincidência no período de um ano, o valor da punição dobrará.

Conforme a PRF, a infração mais comum é a ultrapassagem pela contramão, com pista de faixa contínua. O chefe da Divisão de Planejamento Operacional da PRF, Edson Nunes Souza, explicou que as ações de fiscalização são planejadas de acordo com o número de acidentes registrados nas vias.

“Temos um banco de dados com os locais onde ocorrem mais acidentes. Então, direcionamos as fiscalizações para esses lugares. Dessa forma, conseguimos reduzir infrações e evitar acidentes.”

No sábado e domingo (2), 43 motoristas foram flarados pela PRF forçando passagem em pistas simples. Esta é infração cuja multa sofreu maior reajuste, passando de R$ 191,54 para R$ 1.915,40. O valor será dobrado em caso de reincidência em 12 meses.

Seis motoristas foram multados pela PRF por praticar "racha" ou exibir manobras perigosas, infrações que também ficaram mais duras. “O número baixo deve-se, principalmente, ao fato de a maioria dos ‘rachas’ ocorrer dentro das cidades e não nas rodovias federais”, explicou Edson Nunes.

Segundo ele, o aumento no valor das multas faz parte de um pacote de alterações nas leis. "A proposta é diminuir as mortes no trânsito em 50% até 2020", salientou Nunes. Acrescentou que as colisões frontais, a maioria causada por ultrapassagens indevidas, são responsáveis por cerca de 34% das mortes em rodovias federais.

Fonte Correio

Compartilhar

Gestantes terão acesso à vacina DTPa a partir desta segunda

Publicado em 03/11/2014 às 09h33

A partir desta segunda-feira, 3, os postos de saúde da rede municipal da capital passarão a disponibilizar a vacina tríplice acelular contra difteria, tétano e coqueluche (DTPa) gratuitamente para as gestantes.

Já no próximo dia 15, os profissionais de saúde que atuam em maternidades ou em unidades de terapia intensiva neonatais também serão contemplados.

A difteria e a coqueluche podem ser transmitidas através do contato com pessoas doentes. O tétano é transmitido através de cortes em objetos contaminados. Todas são doenças provocadas por bactérias e, se não tratadas, podem levar à morte.

Fonte: A Tarde

Compartilhar

Reajuste do preço da gasolina pode sair nesta terça-feira

Publicado em 03/11/2014 às 09h26

A definição sobre o reajuste dos combustíveis foi adiada para a próxima terça-feira, dia 4. Neste dia, o conselho de administração da Petrobras voltará a se encontrar para dar continuidade à reunião realizada na sexta-feira pela manhã, mas interrompida ainda no primeiro ponto da pauta, sem que o aumento dos preços da gasolina e do óleo diesel fosse debatido. 

A pauta foi interrompida em meio a discussões sobre a exigência da PwC, auditora das finanças da empresa, de que a estatal contrate duas auditorias externas independentes para investigar denúncias de corrupção envolvendo a petroleira. 

A PwC se negou a validar os números do terceiro trimestre, enquanto a Petrobras não contratasse as empresas.  
Na última segunda-feira, a Petrobras anunciou a contratação de dois escritórios de advocacia para investigar o esquema de corrupção denunciados pelo ex-diretor da empresa Paulo Roberto Costa. São eles o americano Gibson, Dunn & Crutcher LLP e o brasileiro Trench, Rossi e Watanabe Advogados.

Fonte ouvida pelo Broadcast - serviço de informações em tempo real da Agência Estado - contou que a expectativa dos conselheiros é decidir sobre o reajuste na terça. Já o resultado financeiro da empresa relativo ao terceiro trimestre deste ano não chegou a entrar na pauta da reunião desta sexta-feira e também não entrará no próximo encontro.

 Fonte: Tribuna da Bahia

Compartilhar

Wagner será interlocutor de Dilma junto ao PT

Publicado em 03/11/2014 às 08h36

Desgastada com o próprio partido, dentro e fora do Congresso Nacional, a presidente Dilma Rousseff (PT) articula a montagem de uma equipe para facilitar o trânsito dela no PT que inclui o atual governador da Bahia, Jaques Wagner.

Segundo a Folha de S. Paulo, Wagner e os ministros Aloizio Mercadante (Casa Civil), Ricardo Berzoini (Relações Institucionais) e Miguel Rossetto (Desenvolvimento Agrário) serão escalados por Dilma para melhorar a interlocução dela com petistas e com o PT.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva admitiu, antes do primeiro turno, que a presidente precisava construir mais diálogo com o PT no seu segundo mandato e que o partido deveria se aproximar dos ideais da esquerda.

De acordo com o jornal, um dos motivos para essa nova tendência é parte da estratégia de Lula para uma eventual candidatura à presidência da República em 2018: a ideia de “um novo PT” e uma boa relação de Dilma com o “velho PT”.

Fonte: Bahia Notícias

Compartilhar

Uso do Enem cresce entre instituições públicas e particulares

Publicado em 03/11/2014 às 08h31

Foto: EBC

O uso do Enem cresce entre instituições públicas e particulares O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) consolida-se cada vez como forma de ingresso em instituições públicas e privadas de ensino superior e de ensino técnico, seja por meio dos programas nacionais, como o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e o Programa Universidade para Todos (ProUni), que utilizam as notas do exame como critério, seja por iniciativa das próprias instituições de ensino em usar o Enem como processo seletivo.

Entre as universidades federais, segundo o presidente da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), Targino de Araújo, todas utilizam o Enem total ou parcialmente como processo seletivo. "O Enem é fundamental porque permite que os alunos possam se inscrever para qualquer universidade do país. Possibilita o acesso de estudantes que não poderiam viajar para fazer vários vestibulares. É um mecanismo de inclusão", disse.

Araújo ressalta que a adesão ao exame continua crescendo, inclusive na porcentagem de vagas. Como reitor da  Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), ele disse que na sua instituição a utilização do Enem começou para 50% das vagas e,atualmente,100%.  "Os resultados têm sido positivos, sendo que as universidades que fizeram a adesão não têm se arrependido. Não houve quem desistiu de usar o Enem, pelo contrário, a adesão é crescente", disse.

Entre as particulares o cenário é semelhante. "O Enem é uma importante porta de entrada. Para ingressar no ProUni, tem que passar pelo Enem. O exame tem uma proporção muito grande no ensino superior", ressaltou o assessor do Fórum das Entidades Representativas do Ensino Superior Particular Sólon Caldas.

Em 2014, foram ofertadas 191,6 mil bolsas integrais e parciais pelo ProUni no primeiro semestre e 115,1 mil, na segunda edição do programa.  Foram cerca de mil instituições privadas participantes em cada um dos processos. Já o Sisu ofertou 171,4 mil vagas em 115 instituições públicas de educação superior, no primeiro semestre, e 51,4 mil vagas em 67 instituições, no segundo.

A adesão ao exame também é grande entre os institutos federais. De acordo com o Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif), todos os institutos federais adotam o Enem como sistema de ingresso total ou parcialmente. "Ao longo desse tempo tem havido uma evolução dos institutos, eles têm se colocado de maneira muito efetiva e reconhecido o valor do Enem como critério de acesso ao ensino superior", disse o presidente do Conif, Luiz Augusto Caldas, que é reitor do Instituto Federal Fluminense.

Caldas explicou que os institutos usam também o modelo de avaliação do Enem nos processos seletivos próprios, modificando a metodologia de acesso, além de inspirar mudanças nas salas de aula. "Essa relação que o Enem traz nas suas questões, de diálogo mais específico com a realidade, inspira o professor em sala para abordagem intersetorial das disciplinas".

Os institutos federais oferecem vagas no Sisu e também no Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec), que oferece vagas no ensino técnico. No primeiro semestre, o programa ofereceu 293,7 mil vagas, no segundo, foram 289,3 mil, em instituições públicas e privadas e do Sistema S.

O Enem está marcado para os dias 8 e 9 de novembro. O exame tem 8,7 milhões de inscritos e será feito em 1,7 mil cidades.

Fonte: Correio

Compartilhar

Multas de trânsito ficarão até 900% mais caras a partir 01/11

Publicado em 30/10/2014 às 09h59

A partir deste sábado (1°), os motoristas que forem flagrados fazendo ultrapassagens perigosas terão que pagar mais caro pela infração. A nova lei federal que altera o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) entra em vigor no primeiro dia de novembro e fará um total de 11 mudanças no código que penalizará ultrapassagens irregulares com multas de valor até dez vezes maior do que é atualmente. 


Em caso de ultrapassagens em que se força uma manobra perigosa com veículo vindo em sentido contrário, o valor da multa aumenta em mil por cento, de R$ 191,54 para R$ 1.915,40. Já quem se arriscar em ultrapassar pelo acostamento, não pagará mais o valor de R$ 127,69, e sim de R$ 957,70, uma alta de 650%. As ultrapassagens em locais proibidos sofrerão reajuste de 500%, de R$ 191,54 para R$ 957,70. O mesmo valerá para infrações como ultrapassagem em subidas, curvas e locais sem visibilidade.

Quem pratica o famoso "pega" poderá pegar até três anos de prisão e a multa sairá dos R$ 574,62 atuais para R$ 1.915,40. Caso o motorista se envolva em acidente com morte, o culpado poderá passar de cinco a dez anos na prisão. Caso haja vítimas não fatais, a pena prevista no código modificado é de seis anos de prisão.

De acordo com o Denatran, as infrações passaram a ser consideradas gravíssimas e valem a retirada de sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação. A nova lei prevê ainda que ultrapassagens perigosas e rachas custem aos motoristas envolvidos 12 meses sem o direito de dirigir. Já se o culpado for reincidente, o valor da multa dobra. O órgão afirmou que “o objetivo das mudanças é aumentar a segurança de motoristas e pedestres e das infraestruturas urbanas numa combinação de medidas que inclui a cooperação nacional, a partilha de boas práticas, a realização de estudos de investigação, a organização de campanhas de sensibilização e a adoção de regulamentação”. 

Fonte iBahia

Compartilhar

FT:alta da Selic contradiz o que Dilma disse em campanha

Publicado em 30/10/2014 às 09h56

O site do jornal britânico Financial Times publica nesta quinta-feira, 30, reportagem sobre o aumento do juro no Brasil e destaca que a campanha eleitoral de Dilma Rousseff acusou o oponente de que eventual governo Aécio Neves (PSDB) teria aumento de juros, o que geraria recessão e desemprego.

Três dias após a reeleição e horas após o fim do programa de relaxamento quantitativo nos Estados Unidos, o Banco Central do Brasil aumentou o juro para 11,25%, o maior patamar em três anos, destaca a reportagem do FT. O jornal destaca que a decisão pegou o mercado de surpresa.

Sem entrar muito no mérito econômico da decisão, o FT analisa o aspecto político da decisão e lembra que o BC e os juros foram um dos campos de batalha da eleição. "Dilma e o PT argumentaram que, se Aécio Neves ganhasse as eleições, ele iria aumentar as taxas a um patamar tão alto para acabar com a inflação que iria causar recessão e alto desemprego", cita o texto.

A reportagem lembra que esses comentários "provocaram preocupação após a vitória de Dilma Rousseff de que o BC estaria sob pressão para ser 'dovish' (suave) com a inflação".

Fonte A Tarde Bahia

Compartilhar

Bahia: Sobe para 1.481 número de casos suspeitos de chikungunya

Publicado em 30/10/2014 às 09h51

Vírus chikungunya é transmitido por mosquitos Aedes aegypty (no alto) e Aedes albopictus (Foto: Douglas Aby Saber/Fotoarena-AFP Photo/EID Mediterranee)

Vírus chikungunya é transmitido por mosquitos
Aedes aegypty (no alto) e Aedes albopictus
(Foto: Douglas Aby Saber/Fotoarena-AFP Photo/EID
Mediterranee)

Sobe para 1.481 o número de casos suspeitos de chikungunya na Bahia, segundo dados da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). Até esta quarta-feira (29), as notificações foram confirmadas em 49 municípios. No último boletim, divulgado no dia 23 de outubro, 1.267 notificações em 35 cidades foram registradas.

Apesar do aumento dos casos suspeitos, o número de confirmações da doença permanece o mesmo: 458. As cidades com casos confirmados são Feira de Santana (371), Riachão do Jacuípe (82), Salvador (2), Alagoinhas (1), Cachoeira (1) e Amélia Rodrigues (1).

O número de casos suspeitos notificados de chikungunya na cidade de Feira de Santana, localizada a 100 quilômetros de Salvador, saltou de 1.015 para 1.161, segundo balçanço divulgado na terça-feira (28) pela Secretaria de Saúde do município.

De acordo com a Sesab, todos os casos possuem vínculo epidemiológico com Feira de Santana, sendo a cidade o local provável de infecção. Não há registro de óbito até o momento.

Entenda o vírus
A infecção pelo vírus chikungunya provoca sintomas parecidos com os da dengue, porém mais dolorosos. No idioma africano makonde, o nome chikungunya significa "aqueles que se dobram", em referência à postura que os pacientes adotam diante das penosas dores articulares que a doença causa.

Em compensação, comparado com a dengue, o novo vírus mata com menos frequência. Em idosos, quando a infecção é associada a outros problemas de saúde, pode até contribuir como causa de morte, porém complicações sérias são raras, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

O vírus chikungunya pode ser transmitido pelo mesmo vetor da dengue, o mosquito Aedes aegypti, e também pelo mosquito Aedes albopictus, e a infecção pelo chikungunya segue os mesmos padrões sazonais da dengue, de acordo com o infectologista Pedro Tauil, do Comitê de Doenças Emergentes da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI). O risco aumenta em épocas de calor e chuva, mais propícias à reprodução dos insetos. Eles picam principalmente durante o dia. A principal diferença de transmissão em relação à dengue é que o Aedes albopictus também pode ser encontrado em áreas rurais, não apenas em cidades.

Fonte G1 Bahia

Compartilhar

Copom eleva juros básicos da economia pela 1ª vez em seis meses

Publicado em 30/10/2014 às 09h49

Pela primeira vez em seis meses, o Banco Central (BC) alterou os juros básicos da economia. Por 5 votos a 3, o Comitê de Política Monetária (Copom) decidiu elevar a taxa Selic para 11,25% ao ano. A taxa está no maior nível desde novembro de 2011, quando estava em 11,5% ao ano.

Votaram para a elevação da taxa Selic o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, e os diretores Aldo Luiz Mendes (Política Monetária), Anthero Meirelles (Fiscalização), Carlos Hamilton Vasconcelos (Política Econômica) e Sidnei Corrêa Marques (Organização do Sistema Financeiro). Os diretores Altamir Lopes (Administração), Luiz Awazu (Relações Internacionais) e Luiz Edson Feltrim (Relação Institucional e Cidadania) votaram pela manutenção dos juros básicos.

Em comunicado, o Banco Central informou que a elevação foi necessária para garantir um cenário “mais benigno” para a inflação em 2015 e 2016. “Para o comitê, desde a última reunião, entre outros fatores, a intensificação dos ajustes de preços relativos na economia tornou o balanço de ruscos para a inflação menos favorável”, destacou a nota.

Desde dezembro de 2011, a taxa passou a ser reduzida sucessivamente pelo Copom até atingir 7,25% ao ano em outubro de 2012, o menor patamar da história. A Selic foi mantida nesse nível até abril do ano passado, quando o Copom iniciou um novo ciclo de alta nos juros básicos para conter a inflação. Desde abril de 2014, a taxa está em 11% ao ano.

A taxa Selic é o principal instrumento do BC para manter a inflação oficial, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), dentro da meta estabelecida pela equipe econômica. De acordo com o Conselho Monetário Nacional (CMN), a meta de inflação corresponde a 4,5% (centro da meta), com margem de tolerância de 2 pontos percentuais, podendo variar entre 2,5% (piso da meta) e 6,5% (teto da meta).

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o IPCA acumulado em 12 meses estava em 6,75% até setembro, acima do teto da meta. De acordo com o boletim Focus, pesquisa semanal com instituições financeiras divulgada pelo Banco Central, o IPCA deverá desacelerar nos próximos meses e encerrar 2014 em 6,45%.

Por outro lado, o aumento da taxa Selic prejudica o reaquecimento da economia, que cresceu 2,5% no ano passado e ainda está sob o efeito de estímulos do governo, como desonerações e crédito barato. De acordo com o Focus, os analistas econômicos projetam crescimento de apenas 0,27% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2014. Oficialmente, o governo prevê expansão de 0,9%.

A taxa é usada nas negociações de títulos públicos no Sistema Especial de Liquidação e Custódia (Selic) e serve como referência para as demais taxas de juros da economia. Ao reajustá-la, o Banco Central contém o excesso de demanda, que se reflete no aumento de preços, porque os juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança. Ao reduzir os juros básicos, o Copom barateia o crédito e incentiva a produção e o consumo, mas alivia o controle sobre a inflação.

Fonte Tribuna Da Bahia

Compartilhar

Anac vai autorizar uso de aparelhos eletrônicos durante voo

Publicado em 30/10/2014 às 09h47
Anac vai autorizar uso de aparelhos eletrônicos durante todo o voo
Foto: Lucas Jackson / Reuters
 
A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) vai autorizar até o final do ano o uso de equipamentos eletrônicos a bordo, desde que em "modo avião", em todas as fases do voo.
 
O modo limita a transmissão de sinal e a conexão à internet. A nova norma será publicada nesta quinta-feira (30) no Diário Oficial da União. Os passageiros atualmente precisam desligar os aparelhos durante a decolagem e pouso. Os equipamentos são liberados para ser reativados assim que a aeronave atinge 3.048 metros ou 10 mil pés. Outra novidade é a autorização para que os passageiros possam usar o celular logo após o pouso.
 
De acordo com a regra vigente, o telefone tem de ser mantido desligado até o avião parar. Informações da Folha.
 
Fonte Bahia Notícias
Compartilhar

Estudo aponta queda na taxa de desemprego em Salvador e RMS

Publicado em 30/10/2014 às 09h45

A Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED) - realizada na Bahia pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI) - mostra que em setembro a taxa de desemprego total da Região Metropolitana de Salvador (RMS) diminuiu, ao passar de 18,1% para 17,5% da População Economicamente Ativa (PEA).

Registrou-se o mesmo movimento para a taxa de desemprego aberto, que passou de 13,2% para 12,8%, e a de desemprego oculto, que passou de 4,9% para 4,7%. Em setembro, o contingente de desempregados foi estimado em 325 mil pessoas, 10 mil a menos que no mês anterior.

Esse resultado deveu-se ao aumento na ocupação (19 mil pessoas) superior ao crescimento na PEA (9 mil). O contingente de ocupados aumentou em setembro (1,3%), passando de 1.513 mil para 1.532 mil pessoas.

Segundo os principais setores de atividade econômica analisados, houve crescimento no setor de Serviços (27 mil ou 2,9%), de Construção (3 mil ou 2,0%) e no Comércio e Reparação de Veículos Automotores e Motocicletas (3 mil ou 1,1%) e reduziu o número de ocupados na Indústria de Transformação (11 mil ou 8,3%).

Desde julho, Seade e Dieese deixaram de divulgar indicadores e análises para o conjunto dos mercados de trabalho na região metropolitana. Segundo as entidades, a situação decorre da interrupção momentânea das operações de coleta e tratamento de informações domiciliares no Distrito Federal e na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Fonte: Correio

Compartilhar

Prefeito participa de inauguração da Clínica de Hemodiálise

Publicado em 28/10/2014 às 15h52

Nesta terça-feira (28), o prefeito Luizinho Sobral participou da inauguração da Clínica de Hemodiálise de Irecê. O gestor percorreu as instalações junto com colaboradores da Administração Municipal e com os sócios da nova unidade de saúde. Na oportunidade, o nefrologista Indalécio Magalhães, coordenador médico da clínica, falou sobre questões técnicas do tratamento e disse que a Clínica de Hemodiálise de Irecê é uma das quatro do Brasil com capacidade de realizar a chamada hemodiafiltração, que consegue eliminar mais toxinas na corrente sanguínea do paciente do que o tratamento convencional e que o atendimento à população deve começar a funcionar no início de dezembro e fará atendimento exclusivamente pelo SUS.

“Isso aqui caiu do céu! Pra mim, que faço tratamento em Aracaju, vai representar economia, comodidade e mais segurança, já que não vou mais percorrer quase 1.400 quilômetros para ir e voltar à capital sergipana”, observou Gileno Balduino dos Santos, 70 anos, morador da Irecê que realiza diálise há mais de dois anos. O prefeito Luizinho Sobral elogiou a infraestrutura e, mais uma vez, parabenizou os investidores pela iniciativa e disse que o município de Irecê estará sempre de “braços abertos para acolher empreendimentos que representem avanços na qualidade de vida da população”.

A unidade tem potencial para atender 240 pacientes, capacidade superior ao número de pessoas da região cadastradas na Central de Regulação, que, hoje, são acompanhadas por especialistas em Itaberaba, Feira de Santana, Salvador e até mesmo em Barreiras e Aracaju. Também estiveram presentes no evento familiares e pacientes com problemas renais, secretários municipais e vereadores. 

Fonte: Prefeitura de Irecê

Compartilhar

Arimo fwB normalcase tsN|bsd left uppercase b03s|Arimo left show fwR bsd b03s normalcase|||image-wrap|login news bsd fwB b01 c05 sbse|b01 c05 bsd|b01 c05 bsd|login fwR||b01 c05 bsd|content-inner||